Fleet Foxes

Fleet Foxes mostraram-se, desde o seu início em 2008, capazes de fazer algo realmente especial com essa mistura de estilos e influências. Recebida com entusiasmado pela crítica e pelo público, a banda rapidamente chamou a atenção das editoras e lançou "Sun Giant EP" seguido, alguns meses depois, pelo autointitulado álbum de estreia. O registo teve um impacto profundo no cenário musical internacional, com entrada em inúmeras listas de "Best of", incluindo as de publicações com a Rolling Stone ou a Pitchfork. “Helplessness Blues”, de 2011, expandiu o som exuberante do grupo de Seattle e foi novamente louvado pelos críticos, com uma nomeação para “Melhor Álbum Folk” nos Grammy. Uma aclamação acompanhada pela dedicação do público, com a banda a acumular seguidores um pouco por todo o mundo. “Crack-Up”, o tão aguardado terceiro álbum, chegou seis anos após o lançamento de “Helplessness Blues” e foi gravado em vários locais dos Estados Unidos. O trabalho é o mais complexo da banda até agora, com composições e letras densas e as harmonias cintilantes que já são a marca registada do grupo. Um exemplo de sofisticação pop para ver ao vivo no Vodafone Paredes de Coura.

topo

Cartaz